WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
farmacia perfumaria abaete I










junho 2020
D S T Q Q S S
« maio    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

:: ‘Poções’

Poções: Prefeito Léo baixa novo decreto; comércio segue funcionando, porém com restrições

Foto: Van Nascimento

A Prefeitura de Poções decidiu manter o comércio aberto com um novo decreto válido até quarta-feira (22). A administração avaliou que o funcionamento pode acontecer desde que os estabelecimentos cumpram as medidas de prevenção. Os estabelecimentos poderão funcionar das 07h às 13h, com exceção para os de serviços relevantes à população.

Nos dias 19, 20 e 21 terão as atividades suspensas: I – hipermercados, supermercados, mercados, açougues, peixarias, hortifrutigranjeiros, quitandas e centros de abastecimento de alimentos; II – lojas de venda de alimentação e medicação para animais; III – oficinas mecânicas; IV – clínicas de estética e salões de beleza; V – bancos, correspondentes bancários, lotéricas e cooperativas de crédito. No novo decreto, a feira livre volta a acontecer sem a permissão da presença de feirantes de outros municípios. Em Poções, segundo a Secretaria de Saúde, ainda não foi confirmado nenhum caso de Covid-19, tendo sido notificados 13 suspeitos e 02 aguardando resultados para diagnóstico.

Fique por dentro de todos os detalhes clicando aqui.

Eleições 2020: TSE discute adiar eleição para dezembro, mas descarta prorrogar mandatos

Imagem / Reprodução

Ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cogitam adiar as eleições municipais de outubro para dezembro, devido à pandemia do coronavírus. A decisão sobre a data das votações deve ser tomada entre fim de maio e início de junho, a depender da situação sanitária do país. Ainda que o quadro não esteja definido, os ministros descartam a possibilidade de prorrogação dos mandatos atuais. Isso aconteceria se as eleições fossem reagendadas para 2021. Ou, ainda, se houvesse unificação com as eleições gerais de 2022.

“A saúde pública, a saúde da população é o bem maior a ser preservado. Por isso, no momento certo será preciso fazer uma avaliação criteriosa acerca desse tema do adiamento das eleições. Mas nós estamos em abril. O debate ainda é precoce. Não há certeza de como a contaminação vai evoluir. Na hipótese de adiamento, ele deve ser pelo período mínimo necessário para que as eleições possam se realizar com segurança para a população. Estamos falando de semanas, talvez dezembro”, disse o ministro Luís Roberto Barroso, que vai presidir o TSE a partir de maio.

Bahia: Governador Rui Costa autoriza retorno do transporte intermunicipal em municípios que não tem caso positivo de COVID19

*BN

O governador Rui Costa anunciou, na noite desta segunda-feira (13), a retomada do transporte intermunicipal em 14 cidades baianas que estão há 14 dias ou mais sem novos casos de coronavírus. O anúncio foi feito durante transmissão ao vivo, por meio das redes sociais do governador.

A partir desta terça-feira (14), serão retomadas a circulação, saída e chegada de transporte coletivo intermunicipal nos municípios de Jequié, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Canarana, Conceição do Jacuípe, Conde, Correntina, Dias D’Ávila, Entre Rios, Guanambi, Itamaraju, Nova Soure, Pojuca e São Domingos. ”Essas cidades já podem estabelecer transporte com outras cidades que não tenham caso positivo”, disse Rui.

O decreto, que será publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça (14), também acrescenta Jaguaquara, Abaíra, Camacã, Canavieiras, Cansanção, Capim Grosso, Itapé, Rio do Pires e Serra do Ramalho à lista dos municípios com transporte intermunicipal suspenso. No total, são 68 cidades baianas atingidas pela medida preventiva, que visa diminuir a circulação de pessoas nas ruas, como forma de combate à disseminação do novo coronavírus.

Durante a transmissão, o governador ainda assinou e encaminhou à Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) o projeto de lei para garantir que todos os estudantes da rede estadual de ensino recebam um vale alimentação. O Governo do Estado vai investir R$ 44 milhões com recursos próprios na medida, beneficiando cerca de 800 mil alunos.

Covid-19: Plenário da Câmara dos Deputados aprova ajuda a estados e municípios

*Com informações da Agência Câmara

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou, por 431 votos a 70, o Projeto de Lei Complementar 149/19, substitutivo do deputado Pedro Paulo (DEM-RJ) ao projeto conhecido como Plano Mansueto, que prevê ajuda financeira da União a estados, Distrito Federal e municípios para o enfrentamento à pandemia de covid-19. O texto segue para apreciação do Senado.

O projeto prevê compensar a queda de arrecadação do Imposto de Circulação, Mercadorias e Serviços (ICMS) e do Imposto sobre Serviços (ISS) de 2020 em relação ao ano passado.

Vários líderes partidários defenderam a retirada do aumento de limite de endividamento dos estados do projeto, e o líder do governo, deputado Vitor Hugo (PSL-GO), afirmou que o governo é contra o texto. Uma das críticas é ter deixado fora do projeto o congelamento de salários dos servidores. Ele também mencionou a negativa de vincular os recursos da recomposição a gastos especificamente voltados para o combate do novo coronavírus.

”O governo quer ajudar os estados e os municípios, mas não desta forma”, disse Vitor Hugo. Ele afirmou ainda que o critério da divisão dos recursos deve levar em conta a contaminação por covid-19.

O líder do Cidadania, deputado Arnaldo Jardim (Cidadania-SP), disse que a votação é importante neste período de crise. ”Tudo o que está sendo votado é temporário e engloba o período da crise. Estamos fazendo tudo para tomar as medidas necessárias agora e, depois, retomar os cuidados com a questão fiscal”, disse Jardim.

O deputado Samuel Moreira (PSDB-SP) destacou que não é bom permitir novos empréstimos no momento atual. ”É um relatório simples e competente, que lida com o fato de que os estados e municípios terão perda de receitas e aumento das despesas, e não poderão abrir mão das despesas com saúde”, disse.

Contas públicas

O projeto de ajuda aos estados pode gerar impacto nas contas públicas de pelo menos R$ 105 bilhões até R$ 222 bilhões. É o que diz nota técnica divulgada no último sábado (11) pelo Ministério da Economia sobre o substitutivo do Plano Mansueto.

Dentre os R$ 105 bilhões, R$ 9 bilhões são suspensões de dívidas com a Caixa Econômica Federal e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES); R$ 55 bilhões decorrem das operações de crédito autorizadas pelo substitutivo; e R$ 41 são transferências para recompor perdas de arrecadação com o ICMS e o ISS.

Poções: Quatro casos suspeitos de COVID19 atesta negativo

Foto: Reprodução

A Secretaria Municipal da Saúde informou, na noite desta segunda-feira (06), que quatro casos suspeitos em Poções deu negativo para o coronavírus, afirmou o vice prefeito e secretário de saúde, Jorge Luís, em live no Facebook. “É uma boa notícia, mas que de forma alguma deve nos levar a reduzir as medidas preventivas em nosso município, vamos continuar com todas ações impetrada pelo nosso prefeito Léo”, disse Jorge.

“Nossa recomendação segue no sentido de que as pessoas, sempre que possível, fiquem em casa, evitem aglomerações, sigam as recomendações de higiene e só procurem as unidades de saúde caso seja extremamente necessário, primeiro para não congestionar os pontos de atendimento, segundo porque a pessoa também pode acabar contraindo o vírus nesse local”, acrescenta o secretário de Saúde. “O isolamento em casa, acompanhado dos cuidados básicos, é a melhor alternativa na luta contra o coronavírus”, finaliza.

Boletim Diário

Reportagem: Panorama Geral

Política: Deputados que votaram contra a devolução do Fundo Partidário tiveram votos em Poções; Confira

Foto: Agencia de Noticias

Por 294 votos contra e 144 favoráveis, a maioria dos deputados federais optaram para que a sobra do fundo partidário fique com os partidos. Com isso, o NOVO que optou por investir o que sobrou do recurso em áreas da sociedade não poderá repassar a verba.

O Ranking pontuou de forma negativa todos os parlamentares que foram contra a proposta do deputado federal Marcel Van Hattem (NOVO-RS) e pontuou de forma positiva os que foram a favor da devolução. O Fundo Partidário e o Fundo Eleitoral são frutos dos impostos pagos pelos cidadãos brasileiros, e devem ser alocados em serviços públicos essenciais, ao invés de financiar campanhas e partidos.

Um dos objetivos do partido NOVO é a não utilização de dinheiro público para partidos e campanhas. A emenda ao projeto de reforma da Lei dos Partidos Políticos, aprovada no dia 02/04, incluída pelo líder da bancada do NOVO, deputado Marcel Van Hattem (RS) previa a devolução dos valores do Fundo Partidário para a União, infelizmente foi rejeitada por 294 a 144 votos.

A proposta previa a devolução do Fundo Partidário de forma facultativa, ou seja, os partidos devolveriam se quisessem, tampouco não mudaria a estrutura financeira, porém, foi rejeitada pela maioria dos parlamentares presentes na sessão da Câmara. Dentre os deputados, está Antônio Brito, Abílio Santana, Pastor Isidoro.

Confira os deputados que votaram CONTRA a devolução a baixo:

:: LEIA MAIS »

Alerta: Micro Região do Sudoeste Baiano tem 7 casos de corona vírus positivo; Poções entra para zona de risco

Foto: Reprodução

Um estudo sobre o avanço da pandemia do novo coronavírus na Bahia aponta que 91 dos 417 municípios, incluindo Salvador, oferecem risco acentuado de propagar novos casos de Covid-19 nas próximas semanas. Poções também aparece na lista. O levantamento é de autoria de pesquisadores vinculados a quatro universidades — as baianas Ufba e Uefs, além da Unicamp, de estado de São Paulo.

Ao compilar dados geográficos de cada cidade, o grupo considerou a presença de rodovias, ferrovias, portos e aeroportos como vetores de contaminação e os relacionou àqueles que já apresentam registros do novo coronavírus. As informações foram tratadas em sistemas de informações geográficas, cuja estimativa total abrange 323 municípios, dos quais 91 deles integram a faixa de probabilidade acentuada. Segundo o estudo, assim que a pesquisa foi finalizada, na quinta-feira (2), Palmeiras, na Chapada Diamantina, confirmou o seu primeiro caso da doença. O município figurava lista de riscos elevados, afirmam os pesquisadores.

De acordo com os autores, o levantamento foi encaminhado à Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) de modo a abalizar ações de enfrentamento à pandemia.

Lista SESAB

Poções: Segundo caso de corona vírus testa negativo no município

Foto: Van Nascimento

Em Poções, mais um teste deu resultado negativo. A informação foi divulgada oficialmente pela Secretaria da Saúde do município, agora há pouco. Ainda de acordo com o boletim, 10 casos foram notificados, sendo que 2 ainda aguardam resultados. 661 pessoas vindas de áreas de risco estão sendo monitoradas. Confira o boletim;

“Neste sábado, dia 04 de abril de 2020, às 20:00 horas, a Secretaria Municipal de Saúde de Poções (BA) informa à comunidade poçoense que até o presente momento mantemos notificados dez casos suspeitos de Covid-19. O segundo resultado dos testes aguardados saiu hoje e testou negativo. Destacamos ainda que temos 661 pessoas oriundas de áreas de risco sendo monitoradas. Todas essas condutas foram baseadas em protocolos e recomendações expedidas pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) e Ministério da Saúde (MS). A Secretaria de Saúde do município reitera mais uma vez que os decretos, as recomendações de sociedades civis, comoções sociais expedidas em mídias tem por objetivo efetuar a principal medida eficaz da diminuição da possibilidade de propagação do vírus, que é o isolamento social”.

Poções: Vice prefeito recebe autoridades de outro município que vieram observar o modelo de contenção ao COVID19

Foto: Reprodução

Na manhã deste domingo, 05 de abril, o vice prefeito e secretário de saúde, Jorge Luís, recebeu a visita da vereadora Sara Reis e do seu esposo Dr. Renato Rodrigues, da cidade de Jaguaquara, eles vieram a Poções para verificar as ações implantadas pelo prefeito Léo Mascarenhas e pelo secretário de saúde contra o coronavírus.

Onde na oportunidade o Vice Prefeito  esteve com a vereadora  visitando o local  onde esta sendo implantados  o Hospital de campanha com  20 leitos e demais barreiras sanitárias. É a cidade de Poções sendo reconhecida como exemplo de boas ações de combate ao COVID19.

Poções: Exame do primeiro caso suspeito de corona vírus atestou negativo

Poções atesta o primeiro caso suspeito DE covid19 como NEGATIVO

Informamos o resultado do primeiro teste para Coronavírus (COVID – 19) no município de Poções. Dos cinco casos identificados, o primeiro que foi enviado para análise no LACEM (Laboratório do estado) testou negativo. Os testes são realizados de acordo a evolução de cada paciente.

“A Secretaria de Saúde segue realizando todos os procedimentos. Vamos manter nossa população bem informada com a publicação de boletins diários sobre o assunto, evitando fake news”, afirmou o prefeito Léo.

“Embora o primeiro caso suspeito de Poções tenha testado negativo, no município de Jequié, cerca de 86 km de Poções , foi confirmado um caso de Coronavírus positivo. Nosso município é margeado pela BR-116 por onde passam diariamente milhares de pessoas procedentes de cidades e estados com casos positivos. Por isso, não é hora de recuar as ações e sim torná-las mais efetivas”, reafirmou o prefeito Leandro Mascarenhas.

Todas as medidas impetradas até o momento darão continuidade e outras serão tomadas, para conter o COVID19 em nosso município. Vale ressaltar que as medidas de orientações do Ministério da Saúde para que todos fiquem em casa, deve continuar e com mais intensidade nesta semana.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia