Blog Panorama Geral / Fonte: Henrrique Brinco

Cartazes com uma foto de um abraço entre o ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), e o presidente Jair Bolsonaro, foram espalhados pelo Centro da capital baiana neste domingo (21).

Imagens dos protestos estão circulando nas redes sociais. Os cartazes trazem uma foto da dupla com a frase “farinha do mesmo saco”. Segundo o BNews apurou, o ato foi realizado sob o comando de um partido de esquerda local. Mais cedo, manifestantes estenderam uma faixa contra o presidente ao lado do Elevador Lacerda.

Recentemente, Neto, que também é presidente nacional do DEM, criou uma crise dentro do partido ao declarar que não poderia romper agora com Bolsonaro. Os dois são aliados desde o segundo turno da eleição de 2018.

“DEM não vai com extremos em 2022, mas não posso descartar agora estar com Bolsonaro”, declarou o baiano, em entrevista ao jornal Folha de São Paulo.

A declaração foi dada depois da eleição de Arthur Lira (PP) para presidir a Câmara dos Deputados. O ex-presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), chegou a anunciar que iria deixar o DEM porque a sigla estaria virando um partido de extrema direita. Segundo ele, Neto entregou a cabeça do partido de bandeja para o presidente.

A declaração também irritou o governador de São Paulo, João Dória (PSDB), que tem planos para o próximo pleito presidencial.