O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou uma comissão com dez deputados a visitar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na prisão em Curitiba. Entre os beneficiados está o deputado federal Bebeto (PSB-BA).

Na decisão, Fachin afirmou que a a 12ª Vara Federal de Curitiba deve organizar com a comissão a data e as condições de segurança para a visita. Os custos da viagem devem ser arcados pelos próprios parlamentares. Também foram autorizados a visitar o ex-presidente os deputados Paulo Pimenta (PT-RS), André Figueiredo (PDT-CE), Jandira Feghali (PCdoB-RJ), José Guimarães (PT-CE), Ivan Valete (PSOL-SP), Orlando Oliveira (PCdoB-SP), Paulo Teixeira (PT-SP), Wadih Damous (PT-RJ) e Weverton Rocha (PDT-MA), criador da comissão. No final de abril, a Justiça Federal em Curitiba tinha negado o acesso de parlamentares às dependências da Superintendência da PF.